segunda-feira, 9 de setembro de 2013

POEMAS ANTIGOS (EM SÂNSCRITO)

Foto a partir de um desenho, por Fernando Campanella

O vento não tem credo,
os pássaros não têm gramática.
Cego conduzindo cegos
ou apenas uma ordem mais refinada?

Poderia eu sentir em Sânscrito
que o suor de teu corpo
umedece minha alma?

Fernando Campanella

Um comentário:

  1. Maravilhoso. Um autêntico Campanella. Voz que a gente reconhece.

    ResponderExcluir