segunda-feira, 3 de agosto de 2009

QUEBRANTO


Golfinho no mar de Fernando de Noronha
Foto by Fernando Campanella

Golfinho, meu mestre,
meu coração bate em pedras,
vem, e me ensina o sonar.

(Encanta-me o molejo dos deuses,
invoca-me o quebranto do mar.)

(Poema XV da série 'O Eu Confesso',
Fernando Campanella)

3 comentários: